Faça o teste e descubra se você já tem perfil para abrir uma franquia

qual seu perfil de franquia

Preparamos um questionário rápido para você saber se está preparado para entrar nesse modelo de negócio, tão procurado atualmente por quem deseja empreender. Vem com a gente!

Você provavelmente já visitou ou frequenta constantemente uma franquia, certo? Ela pode ser do ramo alimentício, hoteleiro ou de entretenimento, mas uma coisa todas têm em comum: são um bom negócio.

Muitos brasileiros passam ou já passaram por um período instável em suas finanças, seja por uma demissão inesperada, pelo fechamento da empresa em que trabalhavam ou porque têm o desejo de empreender. É justamente nesse momento que as franquias costumam aparecer como uma boa alternativa para quem deseja abrir o próprio negócio mas não possui uma ideia inovadora ou de fácil absorção pelo mercado. Começar por algo que já possui público definido, marca estabelecida e todo o processo logístico funcional é muito mais tentador.

A Bcredi preparou algumas dicas e uma solução que vão te ajudar a entender se você já possui o perfil necessário para investir em franquias. Confira!

O que é e como funciona uma franquia?

Afinal de contas, você sabe o que é uma franquia? Esse modelo de negócio, que se popularizou principalmente entre grandes redes de fast food, consiste em um acordo entre o franqueador (o dono da marca) e um franqueado, que é um investidor. Esse franqueado ganhará o direito de uso da marca e de propriedade, bem como comercialização de produtos ou serviços dessa marca.

Na franquia, tudo funciona como se aquele estabelecimento fosse o “original”, do dono da marca. Todos os processos são padronizados e devem ser respeitados, todos os produtos devem ser comercializados da maneira acordada e, em alguns casos, os fornecedores são os mesmos para todos.

Qual é o perfil de um franqueado?

Ao contrário do que se diz por aí, não existe um perfil específico e ideal para empreender. Basta ter calma, dedicação e se mostrar aberto a aprender e empreender. Geralmente, o empreendedor do modelo de franquias não pode ter receio de colocar a mão na massa, se necessário. Muitas vezes ele precisará atuar no balcão, atendendo diretamente os clientes ou lá atrás no estoque, ajudando na organização e conferência dos produtos.

Muitos cometem o erro de achar que uma franquia é um negócio certo: abriu, rendeu, lucrou, mas não é bem assim. O modelo de negócio, o fluxograma e seus clientes já existem, talvez em grande escala, mas isso não significa que basta acender a luz e você terá lucro imediato. É necessário que você saiba como tocar o negócio no dia a dia, colocando em prática todo o seu conhecimento anterior e o que aprenderá diariamente, seja com treinamentos, seja com seus funcionários, seja com seus problemas, que acredite, existirão.

Como abrir uma franquia?

O processo de abertura de uma franquia pode ser um pouco extenso, pois existem diversas etapas de análise e imersão para que, tanto franqueador como franqueado, tenham segurança no fechamento do contrato. Vale lembrar que não basta apenas ter o dinheiro necessário. A etapa inicial desse processo é uma análise do perfil do franqueador, para entender se a pessoa atende ao perfil pretendido pelo franqueador. 

De maneira geral, essas são as etapas necessárias para abrir uma franquia:

1 – Cadastro

A primeira etapa do processo é o cadastro. Geralmente, os franqueadores disponibilizam um cadastro online, prático e com várias perguntas, que servem para analisar o seu perfil. É importante esse alinhamento para que ninguém faça um negócio ruim e nenhuma surpresa surja. 

2 – Entrevista

Caso haja uma aprovação do cadastro, geralmente o franqueador irá marcar uma reunião de negócios para apresentar a proposta para o interessado. Nessa reunião, o candidato recebe uma COF (Circular de Oferta de Franquia), documento que possui todas as informações importantes sobre a empresa, já com uma cópia do contrato.

Na COF, constam os seguintes dados:

  • Balanços do franqueador dos últimos dois exercícios;
  • Todo e qualquer valor que deve ser pago ao franqueador, como taxas, royalties, publicidade, etc;
  • Treinamentos e suportes oferecidos pela empresa;
  • Histórico judicial com qualquer pendência ou ação em andamento;
  • Dados de contato de franqueados e ex-franqueados que se desligaram há até 12 meses do ato da entrega dessa COF.

3 – Visite as unidades

Se possível, aproveite as informações da COF para visitar algumas unidades da empresa. Você pode usufruir da empresa como um cliente comum para observar todos os processos, entender como é o atendimento e qual é a experiência que lhe é passada enquanto cliente.

Por lei, você possui 10 dias corridos para averiguar todas as informações da Circular sem precisar pagar nenhuma taxa ao franqueador. Portanto, aproveite esses dias para averiguar bem o seu investimento.

4 – Converse com outros investidores

Ainda aproveitando as informações que você recebeu da COF, procure por outros franqueados para saber como é o dia a dia do negócio, quais imprevistos podem ocorrer e como é o suporte real oferecido pelo franqueador. Se tiver abertura, pergunte sobre o faturamento também, é importante saber se um negócio é rentável na prática com algum tempo de funcionamento.

5 – Contrato

Na etapa final, você deverá realizar a assinatura do contrato. É importante analisar cada linha do contrato para entender como será todo o processo, já que raramente há alguma mudança nas cláusulas. Aqui é onde se faz necessária uma avaliação de quais pontos são negociáveis, como eventuais multas ou desconto em cima do investimento inicial com extensão de pagamento inicial. Caso seja o primeiro franqueado da empresa na sua cidade, talvez consiga negociações melhores.

Aqui, é importante analisar alguns pontos principais:

  1. Quais são as suas responsabilidades com a marca? E seus direitos com ela?
  2. Como é o fornecimento de produtos e insumos? 
  3. Há alguma ajuda no processo de contratação de pessoal?
  4. Existem restrições caso saia da rede?
  5. Como é feita a rescisão caso o negócio não dê certo?
  6. Existe a possibilidade de vender a franquia para outro interessado?

Após a assinatura do contrato, você receberá um cronograma. Caso não o receba, peça ao franqueador, pois é importante saber quais são os seus prazos a partir de agora.

6 – Locação e localização do imóvel

Esse é um ponto importantíssimo a ser avaliado, pois, além do local precisar ser um ponto de movimento e condizente com o negócio, ele precisa passar por uma vistoria para entender se ele se enquadra tanto em suas necessidades, quanto com as obrigações previstas por lei, como vistoria pelos Bombeiros e Vigilância Sanitária.

Algumas empresas ajudam o franqueado a escolher um ponto, já outras, deixam essa decisão para ele. 

Aqui também é importante negociar um prazo pré-determinado com o locatário que esteja de acordo com o seu contrato com a franquia. Além disso, negocie também descontos nas parcelas caso você precise realizar alguma reforma de melhoria permanente, o que é quase certo que precisará. 

Como a renovação do seu contrato com o franqueador é feita de maneira automática em caso de cumprimento de todas as obrigações por lei, também é necessário rever a renovação do seu contrato de aluguel com o dono do imóvel, para não perder o ponto. 

E ainda sobre o imóvel, não esqueça de manter um contato próximo com o dono do imóvel e ter cláusulas no seu contrato que o protejam em caso de venda do imóvel ou requisição de posse, assim nenhuma das partes ficará lesada e você terá tempo suficiente para procurar um outro ponto para a sua franquia.

Se você chegou até aqui e tem o desejo de empreender nesse modelo promissor, a Bcredi tem mais uma dica pra você: um Quiz prático e rápido que te ajudará a entender se você está realmente preparado para investir em uma franquia. 

Por mais atraente que seja a ideia de abrir uma franquia, essa é uma decisão importante que merece ser analisada com cuidado.

Faça o teste e descubra qual o seu perfil

Acesse o link e faça o teste, e depois conta pra gente aí nos comentários o que você achou. E não esquece, conta com a Bcredi sempre. Até a próxima!

Quiz "Estou preparado para um investimento para abrir uma franquia?"

Estou pronto para investir em franquias? Clique aqui e faça o teste!

Bcredi

A Bcredi é uma fintech que oferece Crédito com Garantia de Imóvel com uma das menores taxas do Brasil, de um jeito descomplicado. Nossos conteúdos te ajudam a entender melhor o universo financeiro e a fazer melhores escolhas com o seu dinheiro!

Visualizar todas as publicações

Um jeito descomplicado de você acompanhar as novidades do nosso blog.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *